O impacto do estresse na nossa pele e cabelo

Que o estresse causa um estrago danado na nossa saúde física e mental, não é nenhuma novidade. Ainda mais depois de um ano como 2020, quando nossa capacidade de manter a calma foi certamente testada até o último limite!! Do sono à digestão, passando pelo equilíbrio da flora intestinal e até pelo o ciclo menstrual, parece que realmente todas as funções do nosso corpo foram severamente afetadas pelo enorme fluxo de más notícias que – mesmo depois do ano ter acabado! – ainda nos atinge a cada dia.

E certamente, um dos órgãos que mais refletiu essa “barra” que foi 2020 foi…. adivinhem? Sim, a nossa querida pele!
Para escrever com mais embasamento sobre o assunto, fui mais uma vez buscar a opinião da super Dra. Shereene Idriss, dermatologista americana que compartilha suas ótimas recomendações e dicas em seu Instagram e em seu canal no Youtube. Em sua coluna mensal no Into the Gloss, a Dra. Shereene comentou sobre o impacto que o stress de se viver em meio a uma pandemia pode estar tendo na nossa pele:

“Há absolutamente uma conexão entre o estresse e o aspecto da nossa PELE. Afinal, quando enfrentamos uma situação extrema, que represente uma ameaça (real ou mesmo imaginária) para o nosso bem estar, a produção um hormônio chamado CRH – que está ligado ao cortisol – aumenta, causando o consequente aumento na PRODUÇÃO DE SEBO PELOS POROS” – Dra. Shereene Idriss.


E com isso, há claro, um maior “entupimento” dos poros, resultando em mais cravos, espinhas e no aspecto “casca de morango” de regiões como o nariz e o queixo. Ah, o stress também pode aumentar a transpiração, o que desencadeará esses problemas da mesma forma…

E se você tem tendência a condições crônicas de pele como rosácea, psoríase ou dermatite atópica, a notícia também não é nada boa: a elevação dos níveis de cortisol podem sim servir como um gatilho para um agravamento de todas essas questões.

O estrago na nossa aparência não pára por aí! Com o stress, o ciclo de crescimento dos cabelos pode ser temporariamente impactado, levando a um aumento na queda dos fios…

Infelizmente, é impossível “desligar” o botãozinho do stress de uma hora pra outra. Por isso, ela recomenda que, mais do que nunca, a gente seja GENTIL E PACIENTE com nós mesmas e com o momento difícil pelo qual estamos passando. E lembrar sempre: por mais horrível que seja, essa situação VAI PASSAR. E, quando isso acontecer, as reações da sua pele também irão melhorar!

Enquanto isso, veja algumas recomendações da dermatologista para reduzir o EXCESSO DE OLEOSIDADE que pode ser causado pelo stress:

  • Evite hidratantes muito pesados, e opte por versões em gel e sérum.
  • Procure fazer uma esfoliação química com algum produto contendo ácido glicólico (um tipo de AHA) em alguns dias na semana.
  • Se sentir que o ácido glicólico é muito agressivo para sua pele – algumas pessoas tendem a ter reações como uma sensação de “penicamento”, bem como vermelhidão no local de aplicação – opte por produtos com BHA’s como o ácido salicílico.

Em relação à QUEDA DE CABELOS, a Dra. Shereene recomenda produtos contendo MINOXIDIL preferencialmente na fórmula com 5%, que ajudam a estimular o crescimento e fortalecimento dos fios. Outra dica que ela dá é de usar suplementos com Vitamina D e Ferro Quelado.

Agora que tal aprender um simples exercício respiratório para REDUZIR A ANSIEDADE? Clique aqui e confira!

Seguir:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *